EL LIBRO DE LOS INMIGRANTES

EL LIBRO DE LOS INMIGRANTES
Pídalo a lusodescendientes@yahoo.com.ar

martes, 26 de marzo de 2013

UN CUMPLEAÑOS MUY ESPECIAL

Muchos de los lectores de este sitio saben que esta idea está conectada con la creación de la Posada San Bras, en Córdoba, con la edición del libro sobre los inmigrantes portugueses, con la puesta en marcha del sitio www.fadoargentino.blogspot.com.ar, con la creación del Día del Fado en Argentina, con los cursos de arraiolos y varios otros proyectos para difundir la cultura portuguesa en Argentina y muchos otros países. Estas ideas surgieron como homenaje a nuestros padres Antonio dos Santos Lopes y María Luiza da Conceicao Viegas. Hoy, 26 de marzo, cumple años nuestra madre, María Luiza, y lo celebra junto a sus hijos, su nieta y su bisnieta Emma.



Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

lunes, 25 de marzo de 2013

MOMENTOS MUY DIFICILES PARA PORTUGUESES EN LA REPUBLICA CENTRO AFRICANA

Hoje tivemos um dia muito dificil na Republica Centro Africana.
A nossa Comunidade, constituida por cerca de 30 membros, vive momentos muito dificeis. Alguns deles viram as suas casas serem pilhadas mas sem que tenha havido atentados a sua integridade fisica.
Neste momento sabemos que devem estar todos bem.
Ha pouco consegui falar com o nosso Consul Honorario, o Sr Jose de Sousa, cinfanense de nascimento, que me assegurou isso, apesar de a sua casa tambem ter sido assaltada.
Apenas subsiste o problema do piloto do aviao presidencial, tambem Portugues, que se encontra numa situacao dificil, mas vivo. Agora estamos concentrados em garantir a sua seguranca e o regresso a Portugal.
... Foram muitas horas de contactos com as nossas Embaixadas em Franca e em Kinshasa, com o Governo Frances, o Embaixador de Franca em Lisboa e a Uniao Europeia. E, claro, o nosso fantastico Consul Honorario...
Neste momento, sentimos que o pior ja devera ter passado e as vidas dos nossos compatriotas deverao estar preservadas.
Obrigado a todos os que ajudaram... Os nossos diplomatas, os funcionarios, os nossos parceiros, os jornalistas que estao a acompanhar esta saga... Confesso que estou feliz pois, todos juntos, conseguimos dar um contributo para ajudar aquela pequena mas significativa Comunidade. So espero que nao haja mais nenhum precalco...

José Cesario, secretario de estado de las comunidades portuguesas
Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

BRENDA, BELLA NIETA DE PORTUGUESES E ITALIANOS, ES LA REINA DEL CENTRO PATRIA PORTUGUESA DE LA CIUDAD DE BUENOS AIRES

Durante el encuentro realizado el domingo 23 de marzo en el Centro Patria Portuguesa, en el barrio porteño de Villa Urquiza, la joven Brenda La Grotteria fue elegida reina de la institución. Con su  belleza y su simpatía, posó en distintos momentos de la reunión.
Fotos de Armando Lopes Martins







Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

GRAN ALMUERZO SHOW CON AUGUSTO CANARIO EN EL CLUB PORTUGUES DE GONZALEZ CATAN




Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

CRECE LA EMIGRACION EN PORTUGAL/ UNA MEDICA CAMINO A DINAMARCA

24.03.2013 By: Francisco Galope (texto) e Luís Barra (fotos) (reportagem publicada na VISÃO)
Publicado en la revista VISAO

Ich will Arbeit | Uma médica a caminho da Dinamarca



Cansada de ter três empregos em Lisboa, a psiquiatra Bárbara Lopes Félix, vai juntar-se a outros médicos portugueses no norte da Europa
‘Embora trabalhasse, desde 2001, num excelente Serviço de Psiquiatria, nos arredores de Lisboa, a verdade é que tinha de ter mais três empregos no setor privado e chegava a trabalhar mais de 50 horas em algumas semanas, sem que isso compensasse, em termos monetários, o tempo que estava afastada da minha família. E apesar de o meu marido, licenciado em arquitetura, ter emprego, as perspetivas de futuro em Portugal não eram animadoras. Com a degradação das condições de vida e a ausência de esperança, tanto para nós como para os nossos filhos, de 3 anos e um ano e meio, começámos a pensar em mudar.
No final de agosto do ano passado, testámos as nossas hipóteses noutro país. Austrália, Brasil, Angola? A Europa pareceu-nos o destino mais equilibrado e com mais probabilidades de sucesso, sobretudo depois de ter sabido que vários colegas tinham emigrado, nesse ano, para a Dinamarca e para a Suíça. Inscrevi-me, então, num site de recrutamento de médicos e, no dia seguinte, tinha várias propostas oriundas da Escandinávia. Uma semana depois, fui a Budapeste para a minha primeira entrevista de trabalho na vida.
Cinco meses passados, estamos os quatro em Budapeste, a fazer um curso intensivo de dinamarquês pago pelo hospital e que, caso corra bem, me garante emprego, a partir de agosto, como psiquiatra em Århus (Aarhus), a segunda cidade da
Dinamarca, e com um ordenado que me permitirá trabalhar, apenas, no hospital público e universitário. O meu marido planeia fazer o mestrado internacional em arquitetura, na Universidade de Aarhus e trabalhar num gabinete de arquitetos.
Esperamos ter mais tempo para os nossos filhos, que irão crescer numa sociedade sem corrupção (ou quase). Além disso, os dinamarqueses têm a fama de ser o povo mais feliz do mundo ou, pelo menos, assim o dizem alguns estudos sobre a felicidade.
Na verdade, o que mais ambicionamos é ter uma melhor qualidade de vida.
Lembro dois momentos de maior angústia: o dia em que me demiti do hospital e o da despedida dos meus amigos e familiares. Para o meu marido também terão sido estes os momentos mais difíceis. Embora do que ele sente mais saudades é do seu hóbi: pescar na costa atlântica.
Saudades, vamos ter muitas mas as novas tecnologias ajudam bastante e teremos sempre de férias.

Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

PARA ESCUCHAR/ EXCELENTES MICROPROGRAMAS SOBRE PORTUGAL EN LA RADIO ESPAÑOLA

http://www.rtve.es/alacarta/audios/portugaleando/

Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

domingo, 24 de marzo de 2013

MARIA LAURA ROJAS LE PUSO SIMPATIA Y EMOCION AL ENCUENTRO DEL CENTRO PATRIA PORTUGUESA

Una de las jóvenes figuras que se destacan en el mundo porteño del fado, María Laura Rojas, llegó a los corazones de quienes compartieron la gran raviolada que se realizó este domingo 24 en el Centro Patria Portuguesa, ubicado en el barrio de Villa Urquiza, en la ciudad autónoma de Buenos Aires.
Las fotos, que reflejan cabalmente los estados de ánimo de esta cabal intérprete de la música lusitana, son del amigo Armando Lopes Martins.








Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

GRAN RAVIOLADA DE PASCUAS EN EL CENTRO PATRIA PORTUGUESA DE BUENOS AIRES











Fotos gentileza Armando Lopes Martins
Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

PARA VOLVER A ESCUCHAR EL PROGRAMA SAUDADES DE PORTUGAL

http://www.divshare.com/download/23895419-3b1
Programa Saudades de Portugal del 16/3/12

Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

EL CANTANTE AUGUSTO CANARIO VISITO EL PROGRAMA "A VOZ DE FATIMA" EN RADIO ESTIRPE NACIONAL



Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

ZAPATOS PORTUGUESES CONQUISTAN EL MUNDO

 

APICCAPS-fw-2012-10
Michelle Obama, Pippa Middleton o Hugh Jackman calzan zapatos portugueses, una industria que tras la reconversión iniciada hace una década le pisa los talones a reconocidos productores, como los italianos

Junto con "pradas" y "manolos" , Michelle Obama, Pippa Middleton o Hugh Jackman calzan zapatos portugueses, una industria que tras la reconversión iniciada hace una década le pisa los talones a reconocidos productores, como los italianos.
Ahogada por los bajos precios de fabricantes como los chinos, de menos de 3 euros (3,9 dólares) en 2011, la industria portuguesa del calzado decidió volcarse a principios de siglo XXI en la comercialización internacional de su producción.
La nueva estrategia para llegar al mercado extranjero "se basa en la calidad de producto, realizado con tecnologías modernas y con una respuesta rápida al mercado a través de pequeñas encomiendas" , asegura Paulo Goncalves, director de comunicación de APICCAPS, asociación portuguesa de calzado.
Zapatos cuyo diseño sigue las tendencias internacionales, indica, y que pueden ser llevados de igual manera en Lisboa que en el resto del mundo.
La fórmula les ha funcionado a pesar de que su precio medio por par sea el segundo mayor del mundo -25 euros (33 dólares) , solo por detrás de los 35 (46) de los italianos- y siga en ascenso.
Porque las exportaciones también aumentan, un 16,2% más en 2011, con un despacho de 75 millones de zapatos y más de 1.500 millones de euros (1.982 millones de dólares) en ventas.
Estos datos convierten al país en el undécimo productor mundial, con un 2% del total, y a su industria en una de las que mejor contribuye a mantener positiva la balanza comercial portuguesa.
El sector solo importa el equivalente a un tercio de lo que venden sus más de 1.300 compañías, situadas, en su mayoría, en localidades cercanas a Oporto.
Para seguir con el refuerzo en el exterior, la modelo más internacional del país, la portuense de 21 años Sara Sampaio, ha protagonizado la campaña "La industria más sexy de Europa" , promocionada con once millones de euros (14,5 millones de dólares) que también han servido para financiar la asistencia a más de 70 ferias internacionales.

Campaña de APICCAPS
Esa promoción se orienta no solo a sus mercados más importantes (Francia, Alemania y Países Bajos) , sino que busca llegar a países cuyo mercado está en crecimiento, como Brasil, Rusia e incluso China.
Por todo esto, el sector del calzado portugués es según lo calificó el gobernador del Banco de Portugal, un "signo de esperanza" para un país inmerso en una de profunda crisis económica y sujeto a las exigencias de un rescate financiero de 78 mil millones de euros (103 mil millones de dólares) .
Desde el lado creativo, el diseñador de zapatos de lujo Luis Onofre cree que el éxito de la producción lusa viene de "aprovechar una escuela antigua de conocimiento sobre la moda de hoy" .


Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

AUGUSTO CANARIO EN HOJE PORTUGAL

Augusto Canario, quien se presenta este domingo en el Club Portugués de González Catán, destaca la excelente preparación del salón con los colores distintivos de su ciudad de Viana do Castelo y el sabroso asado que disfrutaron el sábado.
Martinha, a su vez, puso de relieve la tarea del artista y su cercanía con el público, especialmente los inmigrantes que mantienen sus raíces unidas a Portugal.
La entrevista sale al aire en directo por Radio del Pueblo, en el programa Portugal Hoje, que conduce Fernando Maciel.
"Parece que fue ayer nuestra última visita, y fue hace diez años", dijo Augusto Canario. "Cuanto más lejos, la gente siente un cariño más especial", agregó, haciendo una mención especial a su anterior visita al Club de González Catán.
El cantante, conocido como "o rei dos arraiais" destacó especialmente que "los jóvenes lusodescendientes tienen un interés especial en conocer y mantener las costumbres tradicionales de Portugal".
"No hay que matar las saudades", dijo el cantante, que recordó sus treinta y un años de trayectoria y sus primeros discos de vinilo.
"Podemos tocar en una alfombra roja o en un piso de tierra", agregó.

Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

EL CLUB PORTUGUES DE ESCOBAR ORGANIZA LA ELECCION DE LA REINA DE LA COMUNIDAD PORTUGUESA 2013

El proximo domingo 13 de abril será la fecha para la elección de la Reina de la Comunidad Portuguesa 2013.
La institución encargada del evento será el Centro Recreativo Portugués de Escobar que seguramente ya estará trabajando para preparar una fiesta para toda la comunidad.

La actual reina Jaqueline Frade, que recordamos es la reina del Club Portugués deberá dejar sus atributos a alguna de las representantes de todos los clubes del país. Ojalá el club pueda mantener el reinado, aunque su representante la tendrá dificil por el nivel de todas las chicas.

Fuente: LA VOZ DEL CLUB PORTUGUES


Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

GRANDES COCINEROS PORTUGUESES EN DISTINTOS PAISES

La revista VISAO ha reflejado algunos aspectos de la vida profesional de notables chef portugueses que están trabajando en diversos países del mundo. Es otro aspecto de la múltiple presencia portuguesa en los lugares más insólitos.

RICARDO FERREIRA
Um nómada em Sydney

Sportinguista ferrenho, Ricardo Ferreira terminou em 2008 a sua formação na Escola de Hotelaria e de Turismo de Lisboa. Saliente-se os estágios com Leonel Pereira, na altura no Sheraton de Lisboa, Michele Bono no Il Gatto Pardo (Dom Pedro Palace Hotel) e o tri-estrelado Martín Berasategui, em San Sebastian (Espanha). Já profissionalmente passou pelo Midori e Arola (ambos no Penha Longa Resort); The Yeatman, ao lado de Ricardo Costa; Hotel Campo Real, em Torres Vedras. A sua primeira grande aventura foi o portuense Shis, na Praia do Ourigo. Mas a debilitada situação económica do País levou-o a emigrar para a Austrália. Antes de aceitar a proposta dos irmãos Sandra e José, para abrir um restaurante português, trabalhou no Quay (29.º melhor restaurante do mundo, no ranking feito pela revista Restaurant) e no Uccello (com uma espécie de estrela Michelin australiana). Tem apenas 25 anos.
JOSÉ JÚLIO VINTÉM
Um alentejano no Recife

De cozinha, sabia o que tinha aprendido com os pais e os avós. José Júlio Vintém, 40 anos, frequentou o curso de Técnico Agrícola na Escola Profissional de Alter do Chão. Nessa altura, descobriu como fazer outros petiscos com a D. Benedicta, cozinheira e dona da pensão de estudantes onde ficou hospedado.
Foi em Portalegre, a sua terra natal, que em 2001 abriu um restaurante, batizado de Tomba Lobos, a sua alcunha. No final de 2012, antes que o IVA e a crise lhe fizessem mais mossa, José Júlio arrumou as facas e rumou ao Recife, capital do estado brasileiro de Pernambuco, para abrir o Vintém. A sua integração no Brasil está facilitada, pois a buchada é equivalente ao bucho recheado, o sarapatel é a sopa de cachola, a rabada é o rabo de boi estufado, a feijoada tem carnes parecidas às portuguesas.
JERÓNIMO FERREIRA
Chefe de brigadas

Natural de Avintes, Jerónimo Ferreira, 47 anos, queria ser arquiteto. Mas a vontade de desbravar o mundo fê-lo querer ganhar dinheiro. Aos 16 anos, apoiado pelo tio-avô, foi trabalhar para o restaurante Casa Branca, em Vila Nova de Gaia. No Algarve, os seus horizontes culinários abriram-se depois de ter trabalhado com Ivan Cadiu no restaurante da Quinta do Lago. Seguiu-se experiência profissional em Gibraltar, Londres, Funchal e Amesterdão. De regresso a casa, deixou a sua marca no Forte de São João e no Porto Novo (do hotel Sheraton Porto & SPA). Familiarizado com as brigadas das cozinhas dos hotéis, Jerónimo não conseguiria estar fechado num escritório sem a criatividade e a descoberta. "Ser chefe de cozinha é a mesma coisa que ser um artista", considera. Atualmente no Rio de Janeiro, deixa a promessa: "a relação com a gastronomia portuguesa será sempre uma bandeira que transportarei comigo."
GEORGE MENDES
O refogado é a base de tudo

Em Nova Iorque, perto do edifício Flatiron, ex-líbris do bairro de Manhatan, entre a 5.ª Avenida e a Broadway, todos estão rendidos ao arroz de pato, ao bacalhau à Brás, às várias caldeiradas e ao camarão ao alhinho preparados por George Mendes, 40 anos. Abriu o Aldea em 2009 e passado um ano foi distinguido com uma estrela Michelin. Aldea é o título de um poema que o avô lhe escreveu, numa homenagem à Aldeia das Rosas, perto da Foz do Dão (distrito de Viseu) de onde a sua família emigrou na década de 1960. Com a mãe e com as tias aprendeu as bases, onde o refogado feito com cebola, azeite, alho e colorau ganha destaque; David Bouley, Alain Ducasse e Alain Passard enriqueceram a sua formação, consolidada no Culinary Institute of America; admira Maria de Lourdes Modesto e Ferran Adrià. George gosta de vir a Portugal, duas a três vezes por ano. Um livro sobre o Aldea é o próximo projeto.
JOAQUIM FIGUEIREDOPassagem marcante por Portugal
Começou a trabalhar aos 14 anos numa padaria-pastelaria em França. Joaquim Figueiredo, 52 anos, chegou a Portugal em 1990, já com o curso da escola de hotelaria francesa. Nessa altura precisou de re-encontrar as suas raízes beirãs (Fornos de Algodres), conhecer o país e as pessoas. Por cá, trabalhou no Hotel Rex e no Hotel Ritz, com o chef Helmut Ziebell. Deu aulas na Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa. Em 1995, liderou a cozinha do Consenso, em Lisboa, e a seguir abriu o Café da Lapa, uma das suas melhores recordações. Mil novecentos e noventa e oito foi um ano em grande - recebeu o galardão de cozinheiro do ano e fez parte da equipa inicial da Bica do Sapato, em Lisboa. O trabalho de consultor gastronómico das Pousadas de Portugal antecedeu a passagem pela reabertura do Tavares, em 2004.
MANUEL VILELA
Uma questão de tempo

As ervas e as especiarias africanas, a noz-moscada do Brasil e sal-marinho português salpicam a comida "rústica requintada" preparada por Manuel Vilela, 46 anos. Para Manny, como é conhecido em Toronto, o timing é a chave para se cozinhar peixe e marisco. No Chiado, o peixe vem todo dos Açores, onde as águas são mais limpas e frias. Aberto em 1991, pela mão do self-made man Albino Silva, um transmontano emigrante desde os 15 anos, o Chiado já recebeu distinções de revistas como a Gourmet Magazine ou a Bon Appétit, nomeadamente com referência a "local de visita obrigatória". Ali, encontra-se a maior garrafeira de vinhos portugueses de Toronto, ou não fosse o proprietário um fervoroso apreciador dos tintos e brancos lusos.

Revista VISAO


Ler mais: http://visao.sapo.pt/chefs-portugueses-espalhados-pelo-mundo=f719565#ixzz2OSjS2Xuo



Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

RECUERDOS DEL PAPA EN ARGENTINA, EN LA PORTADA DEL DIARIO PUBLICO




Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

LA CRISIS EN LOS DIARIOS DE PORTUGAL



Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

EXITOSO CURSO DE ARRAIOLOS EN VILLA GENERAL BELGRANO


Un fin de semana a todo tapiz en la Posada San Bras y la Casa de la Historia y la Cultura del Bicentenario. El seminario dirigido por Alicia Rondinella y Daniel Tallarico fue sin dudas un éxito más en su prontuario. Alrededor de 40 personas concurrieron tanto al seminario y curso dado en la Casa Portuguesa de Villa General Belgrano así como también a la charla sobre Tapices y Arraiolos en la Casa de la Cultura a cargo de Griselda Gragneolati, quién fue una de las impulsoras de esta técnica en Argentina y trasladó sus conocimientos entre otros voluntarios, para que sea enseñada a otros, a Daniel y Alicia Tallarico.

Ellos, hoy en día recorren el país difundiendo la cultura, la historia y la técnica de arraiolos. Son gente maravillosa, humildes, bondadosos y totalmente voluntarios ante cualquier necesidad. Desde ya  queremos agradecerles por su visita a nuestra Casa Portuguesa y por su voluntad de trabajo que es incansable. Un fin de semana a todo tapiz sin desperdicios.  

El seminario y el curso dieron inicio el 14/3 en la Posada San Bras. El viernes 15 tuvo lugar en la Casa de la Historia y la Cultura del Bicentenario, gracias a la Municipalidad de Villa General Belgrano, la charla a cargo de la Sra. Griselda. El sábado 16 por la tarde hubo un pequeño acto en la Casa Portuguesa de Víctor Lopes en la cual fueron entregados los diplomas correspondientes y algunas atenciones por mérito y menciones. Sin dudas algo inolvidable para todos los que lo vivimos. Un gran abrazo y hasta la próxima!

Juan Benjamín Lopes
Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

sábado, 23 de marzo de 2013

LIBRO SOBRE INMIGRANTES PORTUGUESES Y LUSODESCENDIENTES

Sábado 23 de marzo de 2013. Día gris en Puerto Deseado. Desde muy temprano estoy orrigiendo y releyendo textos del libro sobre inmigrantes portugueses. No puedo evitar emocionarme cuando recorro historias tan variadas. Son textos que no puedo leer en voz alta.



Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

PREMIO A EMPRENDEDORES INNOVADORES EN LA DIASPORA/ plazo para candidaturas hasta el 31 de marzo

Prémio
Empreendedorismo Inovador na Diáspora Portuguesa



Objectivo
O Prémio Empreendedorismo Inovador na Diáspora Portuguesa tem como objectivo central o de premiar e divulgar publicamente cidadãos portugueses que se tenham distinguido pelo seu papel empreendedor, inovador e responsável no contexto das respectivas sociedades de acolhimento e que constituam exemplos de integração efectiva nas correspondentes economias e de estímulo à cooperação entre Portugal e os respectivos países de acolhimento.
Destinatários
São destinatários do Prémio cidadãos portugueses que, na data da candidatura, residam no estrangeiro há mais de cinco anos.
CandidaturasAs candidaturas estão abertas até dia 31 de Março através do email diaspora@cotec.pt






Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

HASTA EL 31 DE MARZO SE PUEDEN PRESENTAR "IDEAS DE ORIGEM PORTUGUESA"

O que é?

É uma iniciativa sua e da Fundação Calouste Gulbenkian na área do empreendedorismo social.
É um desafio a todos os Portugueses na diáspora que têm ideias, talento e vontade de fazer mais e melhor . É uma convocatória a todos os que, apesar da distância, desejam participar na construção de Portugal, através de uma cidadania ativa, envolvente e participativa. Ideias de Origem Portuguesa é um concurso para encontrar e promover projetos nas áreas do Ambiente e Sustentabilidade, Inclusão Social, Diálogo Cultural e Envelhecimento.

O que é?

Como funciona?

O Ideias de Origem Portuguesa é um concurso com uma mecânica simples.
Para participar, basta ter vontade de implementar um bom projeto de inovação social e já agora ler o regulamento.
Juntar uma equipa de 3 pessoas que inclua pelo menos um português ou lusodescendente residente no estrangeiro.
Ter um discurso poderoso e convincente, fazer um vídeo com o mesmo.
Depois passar a palavra e manter as pessoas atualizadas e envolvidas e promover o debate. A sua ideia irá ganhar com a contribuição de todos.
 

Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

VEINTE AÑOS DEL PORTUGAL POST EN ALEMANIA

20 anos ao serviço da Comunidade Portuguesa na Alemanha
Foi em 1993 que lançámos o número experimental do jornal. Em Maio de 1994, o PORTUGAL POST iniciou a sua edição regular e desde aí até à presente data foi publicado ininterruptamente . Desde a sua fundação, o PORTUGAL POST começou a actualizar toda a informação importante para todos os portugueses residentes neste país.

Com a publicação deste jornal, a Comunidade passou a ter um porta-voz e um órgão de informação que ficaria atento aos seus problemas, revelava as suas potencialidades, fazia a ponte entre a própria Comunidade, impulsionava, divulgava o que de melhor há, esclarecia, denunciava situações de injustiça e dava voz ao movimento associativo, aos professores, pais e alunos. Em suma, informava e cumpria a missão para a qual tinha sido criado.

Chegamos aqui com uma grande história para contar; a história de uma vida de um jornal que se afirmou e é hoje o porta-voz de toda a comunidade. Independentemente de todas as mudanças que o jornal regista, o PP vai continuar com sentido de responsabilidade e orientado pelos princípios da liberdade, do pluralismo, procurando assegurar a todos o direito à informação; independente de todos os poderes e respeitando todas as opiniões ou crenças desde que enquadradas nos valores da liberdade e da democracia.
www.portugalpost.de

Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

MAS DE 920 MIL DESEMPLEADOS EN PORTUGAL LLEVAN A AUMENTAR LA EMIGRACION/ Artículo de "Comunidad Alemanha"

Emigrar – sem alternativa

A situação económica em Portugal e o agravar da taxa de desemprego aumenta a emigração. São já mais de 920 mil os desempregados em Portugal. A taxa de desemprego estimada pelo Instituto Nacional de Estatística pa...ra o quarto trimestre de 2012: 16,9 por cento. Falta de perspectiva a nível nacional obriga muitos portugueses, muitos académicos, a optar por outros Países. E actualmente não surgem sinais de contorno. A estimatia da taxa é para subir em 2013. A muito pregoada política de criação de emprego e de aumento da competividade económica continua a ser retórica.

O governo está desacreditado e psicológicamente as pessoas não vêm uma luz no tunel. Resta conquistar novamente a confiança da nação com uma nova alternativa governamental. Tudo isto depende pouco dos portugueses a viverem fora de Portugal, depende muito do agir do Presidente da República.

A acção do Estado em relação aos novos fluxos migratórios tem sido muito limitada. O SECP prefere vir à Alemanha, a Mainz, entregar uma mini-biblioteca, que se encontrar com as estruturas da Comunidade e consular para dar respostas adequadas aos problemas que estão a surgir.

O SECP, como declara o Deputado, Carlos Gonçalves (PSD), nesta semana, no seu mural, lançou uma campanha no sentido de informar os cidadãos que tenham a intenção de deixar o país para trabalhar no estrangeiro. Só que após o lançamento pouco ou nada se regista. Própriamente na Alemanha quem está a divulgar a informação é em especial a Berlinda Ação Social, o Comunidade Alemanha e o Portal da Comunidade Alemanha.

O deputado também fala de “parcerias que a SECP estabeleceu com um conjunto de instituições das nossas comunidades na área social de apoio aos novos migrantes” e lamenta estas não serem comentadas, mas teremos que registar que estas parcerias na Alemanha são desconhecidas.

Na verdade o governo não convence com a sua Política para as Comunidades. Ultimamente o SECP concentra-se mais em actos de entrega de medalhas de honra e visitas de País para País, mas sem um plano estratégico. Para poder gerir a nova emigração precisam-se de dados e estudos concretos. Não existem. Precisam-se de instrumentos e estruturas para que esta nova emigração seja útil para Portugal.

Primeiramente, serve a emigração para reduzir a pressão social. É de lamentar que esteja a saír mão de obra qualificada (“a nossa inteligência”). Mas se o Estado português mantivesse um bom acompanhamento deste grupo no estrangeiro, uma emigração de 2 ou 3 anos, poderia ser muito muito importante para a internacionalização da economia portuguesa. Mas nada se faz.

Desde que os Consulados foram reduzidos meramente a unidades administrativas e a permanências consulares a interacção com a Comunidade é reduzida, pelo menos na Alemanha. Só na área cultural é que o Consulado Geral de Düsseldorf se está a destacar.
Os conselhos consultivos podiam ser activados no sentido de procurarem um elo de ligação com os novos emigrantes portugueses.

Esta semana no site do Comunidade Alemanha tivemos intervenções por parte de Manuel Campos (do Comunidade Alemanha) e de Luis Freitas. Manuel Campos alerta com a sua poesia que a história em parte se repete. Também nos anos sessenta e seguidamente muitos portugueses tiveram que saír do País. Com a ideia de Luis Freitas que se deveria fazer muito mais para evitar a emigração, concordamos.

N.R. Comunidade Alemanha




Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

MAS REVISTAS DE PORTUGAL




Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

REVISTAS DE PORTUGAL




Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

jueves, 21 de marzo de 2013

CIENTIFICO PORTUGUES COMPRUEBA COMUNICACION ENTRE RATONES A TRAVES DE SUS CEREBROS

Miguel Pais Vieira, de 33 anos, está na Universidade de Duke, nos Estados Unidos, e é o primeiro português a provar como dois ratos podem usar apenas os seus cérebros para partilhar informação. A descoberta pode revolucionar o tratamento de pessoas que sofrem de paralisia.
Doutorado em neurociência na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, é o primeiro autor português dos dois estudos, publicados a no final de fevereiro no 'Journal of Neuroscience' e na 'Scientific Reports'.
"É uma nova forma de comunicação, que não existe na natureza", diz Miguel Pais Vieira à agência Lusa, garantindo que esta foi a primeira vez que os cientistas conseguiram que dois animais comunicassem diretamente através dos seus cérebros.

CORREIO DA MANHA


Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

CIENTIFICO PORTUGUES COMPRUEBA COMUNICACION ENTRE RATONES A TRAVES DE SUS CEREBROS

Miguel Pais Vieira, de 33 anos, está na Universidade de Duke, nos Estados Unidos, e é o primeiro português a provar como dois ratos podem usar apenas os seus cérebros para partilhar informação. A descoberta pode revolucionar o tratamento de pessoas que sofrem de paralisia.
Doutorado em neurociência na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, é o primeiro autor português dos dois estudos, publicados a no final de fevereiro no 'Journal of Neuroscience' e na 'Scientific Reports'.
"É uma nova forma de comunicação, que não existe na natureza", diz Miguel Pais Vieira à agência Lusa, garantindo que esta foi a primeira vez que os cientistas conseguiram que dois animais comunicassem diretamente através dos seus cérebros.

CORREIO DA MANHA


Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

VANESSA MARTINS/ EL ROSTRO DE LA GANADORA DEL CERTAMEN MISS EU AMO PORTUGAL



Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

ANUNCIAN GRAN FIESTA PORTUGUESA EN FRANCIA CON CARLOS PIRES



Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

martes, 19 de marzo de 2013

HOY ES EL DIA DEL PADRE EN PORTUGAL

Hoy, 19 de marzo, se celebra el día del padre en Portugal.
Un recuerdo para los que ya partieron, un abrazo para los que están y para los que se preparan para ser buenos, amorosos y responsables padres.


Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar

TODOS LOS ALUMNOS DEL CURSO DE ARRAIOLOS CON ALICIA RONDINELLA EN VILLA GENERAL BELGRANO



Envíe sus textos y comentarios a lusodescendientes@yahoo.com.ar